This website is best viewed with CSS and JavaScript enabled.

BLOG - A Comunhão Anglicana está mudando a maneira de comunicar-se

Posted on: January 7, 2020 2:25 PM
Gavin Drake
Related Categories:

O Diretor de Comunicações da Comunhão Anglicana, Gavin Drake, apresenta uma nova estratégia e direção para o Departamento de Comunicações no Anglican Communion Office.


O que está acontecendo na Comunhão Anglicana?

Se você acreditar em alguns relatos, pensará que a Comunhão está prestes a implodir e se romper num grande cisma. Essa é a mensagem de um punhado de blogueiros e comentaristas (a maioria não faz parte da Comunhão Anglicana). Em vez de relatar a verdade, eles fazem campanha contra a Comunhão Anglicana.

Em minha função pude ver, ouvir e experimentar a Comunhão Anglicana em primeira mão através de visitas a diferentes partes da Comunhão, e falando com muitos primazes e centenas de bispos(as), clérigos(as) e leigos(as) que passam pelo Anglican Communion Office (Escritório de Comunhão Anglicana ou ACO) em Londres a cada ano. Eles - os membros da Comunhão Anglicana - contam uma história diferente.

Sim, existem diferenças; mas há também um profundo desejo de trabalhar e orar juntos;  de apoiar-se mutuamente em evangelismo, testemunho e discipulado; de fazer campanhas unidas em questões como mudança climática e meio ambiente, tráfico e escravidão moderna, educação e saúde.

Estou determinado a recuperar a narrativa da Comunhão Anglicana e garantir que apareça esse retrato mais verdadeiro da vida de nossas igrejas membros.

Para isso, estamos introduzindo algumas mudanças. Primeiro, o Anglican Communion News Service (ACNS) - este site - trará menos reportagens a cada semana. Em vez de tentar escrever três ou quatro relatos por dia, vamos nos concentrar em três ou quatro por semana. Isso significa que poderemos dedicar mais esforço à pesquisa de artigos, especialmente de partes da Comunhão com estratégias de comunicação menos desenvolvidas.

Isso também significa que TODA a nossa cobertura será traduzida a partir de agora integralmente para francês, espanhol e português. Anteriormente, os que falam esses idiomas eram restritos a um pequeno boletim semanal de notícias em seu idioma. O ACNS também lançou novas contas no Twitter em francês, espanhol e português.

E nossos blogs também mudarão. Como este, no futuro a maioria dos blogs virá de meus colegas do ACO que poderão relatar em primeira mão o trabalho que estão fazendo em parceria com as Igrejas Anglicanas em todo o mundo.

Outros blogs serão escritos pelos primazes da Comunhão Anglicana: o Ciclo de Oração Anglicano lista as dioceses da Comunhão seis dias por semana. Aos domingos, oramos principalmente pelas províncias. Estamos pedindo a todos os primazes que escrevam uma breve apresentação da província e forneçam sugestões de oração, para nos ajudar a orar juntos com conhecimento.

No futuro, cada blog - junto com nossos artigos de notícias - será publicado às terças-feiras. Ele foi desenvolvido para ajudar os periódicos cristãos semanais a selecionar as histórias que publicamos e usá-las em suas próprias publicações, que normalmente são produzidas às sextas-feiras.

Isso faz parte de um novo esforço para trabalhar mais de perto com publicações e emissoras religiosas e seculares. Através do ACNS, podemos contar nossas histórias, mas através da mídia independente poderemos alcançar muito mais pessoas.

Instalamos um estúdio de rádio em nosso escritório em Londres - por meio dele podemos nos conectar a emissoras de rádio em todo o mundo para obter contribuições de qualidade de transmissão em duplex.

Mas não estamos nos baseando apenas na mídia externa: publicaremos mais vídeos - incluindo entrevistas ao vivo - para contar a história da Comunhão Anglicana.

Este ano, a 15ª Lambeth Conference será realizada em Canterbury, Inglaterra. Os detratores da Comunhão Anglicana a usarão para intensificar seus ataques. Oro para que nossas atividades aprimoradas de comunicação ajudem a recuperar a narrativa para que a verdade possa ser ouvida e vista com mais clareza.


:: Clique para ver o nosso índice de notícias em português e siga-nos no Twitter.