This website is best viewed with CSS and JavaScript enabled.

Novo Diretor para o Departamento para a Unidade, Fé e Ordem nomeado para a Comunhão Anglicana

Posted on: September 3, 2019 9:16 AM
O reverendo Dr. Will Adam, com o arcebispo de Cantuária, Justin Welby, na Índia ontem (segunda-feira)
Photo Credit: Lambeth Palace
Related Categories:

O Assessor para Assuntos Ecumênicos do Arcebispo de Cantuária, Dr. William Adam, será o novo Diretor para a Unidade, Fé e Ordem da Comunhão Anglicana. Seu novo papel, que ele assume com efeito imediato, será desempenhado em conjunto seu atual cargo no Palácio de Lambeth, que ocupa desde 2017. Ele sucede ao Rev Canon Dr John Gibaut, que foi nomeado para o cargo em 2014 e o manteve até no início deste ano, quando se tornou presidente, reitor e chanceler da Universidade Thorneloe do Canadá.

Will Adam foi ordenado na Igreja da Inglaterra em 1994 e foi trabalhou em serviços paroquiais até assumir o cargo de assessor do Arcebispo de Cantuária. De 2017 até agora, ele também atuou como Oficial Ecumênico no Conselho para a Unidade dos Cristãos da Igreja da Inglaterra. Ele tem experiência em diálogo ecumênico em nível nacional e internacional.

Como diretor para a Unidade, Fé e Ordem, o Dr. Adam terá a responsabilidade geral de coordenar as equipes envolvidas nos diálogos ecumênicos nos quais a Comunhão Anglicana global está envolvida, inclusive com a Aliança Mundial Batista, a Federação Luterana Mundial, o Conselho Metodista Mundial, as Igrejas Ortodoxas e Ortodoxas Orientais, a Comunhão Mundial das Igrejas Reformadas e a Igreja Católica Romana. Ele também atuará como secretário da Comissão Permanente Interglicana para a Unidade, Fé e Ordem (IASCUFO).

Dr. Adam está atualmente acompanhando o Arcebispo de Cantuária em sua visita oficial às Igrejas Unidas na Índia. A Igreja do Sul da Índia e a Igreja do Norte da Índia são igrejas unidas que são membros plenos da Comunhão Anglicana e várias outras comunhões cristãs.

O site oficial da Comunhão Anglicana tem informações sobre os Diálogos Ecumênicos oficiais e o trabalho da IASCUFO.