This website is best viewed with CSS and JavaScript enabled.

Notícias da Semana do Anglican Communion News Service - sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Posted on: February 22, 2019 10:17 AM
Related Categories:

Igreja da Inglaterra convoca reunião de investidores sobre segurança de barragens

A Igreja da Inglaterra e uma coalizão global de investidores saudaram o anúncio pela mineradora BHP de novas medidas com relação à segurança de barragens de rejeitos. A coalizão exigiu um sistema de classificação pública independente em todo o mundo para barragens de rejeitos, que contêm subprodutos da mineração.

O chamado veio depois do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, no Brasil. Pelo menos 169 pessoas morreram no desastre; 141 ainda não foram encontradas.

Houve questionamentos sobre a segurança dessas barragens, pois suas paredes são geralmente construídas de resíduos enlameados ao invés de material sólido. Em 2015, 19 pessoas morreram quando outra barragem, a de Fundão, se rompeu no Brasil.

Os investidores estão propondo que o novo sistema seja independente e requeira auditorias anuais de todas as barragens de rejeitos, bem como a verificação de que os mais altos padrões de segurança estão sendo implementados. A BHP informou que apoia a iniciativa e está acelerando medidas para melhorar a segurança de suas 115 barragens de rejeitos.

O Bispo de Birmingham, David Urquhart, presidirá uma reunião de investidores, especialistas de renome internacional e líderes da indústria em Londres no dia 4 de abril para determinar os próximos passos da chamada dos investidores.

Família de Janani Luwum e parentes de Idi Amin se reconciliam no 42º aniversário do martírio

A família do Arcebispo Janani Luwum, antigo Primaz da então Igreja da Província de Uganda, Ruanda, Burundi e Boga-Zaire, reconciliou-se com os parentes do ex-ditador ugandense Idi Amin, que ordenou a morte do arcebispo. O site Black Star News de Uganda relata que o Cônego Stephen Gelenga, da tribo Kakwa, a mesma de Amin, fez um pedido de desculpas emocional à família de Luwum e ao povo da tribo Acholi durante os eventos realizados no último final de semana para relembrar o ocorrido.

“O que aconteceu durante o governo de Idi Amin, que é meu parente... Ainda sentimos a dor depois de quarenta anos”, disse ele. “Assim como a nova geração, precisamos pôr fim a todo o mal do passado e avançar como ugandenses reconciliados. Os ugandenses não conseguirão curar este país se retribuirmos o mal com o mal.”

O Cônego Gelenga disse ao jornal Daily Monitor que cristãos da comunidade Kakwa se reuniram com a viúva do arcebispo Luwum na casa de sua família em Wii Gweng, onde rezaram juntos.

“Mama Luwum nos perdoou; nós dormimos em sua casa, pedimos perdão em nome das pessoas que pecaram. Também queremos perdoar aqueles que nos ofenderam naquele tempo.”

Comitê da ACNUDH ouvirá relato dos esforços anglicanos para combater o tráfico de pessoas em todo o mundo

Os esforços de anglicanos para combater o tráfico de pessoas em Gana, Hong Kong, EUA e Reino Unido serão trazidos à atenção do Comitê do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos nesta sexta-feira (22). O Representante Permanente da Comunhão Anglicana na ONU, Jack Palmer-White, falará ao Comitê da ONU para a Eliminação da Discriminação Contra as Mulheres (CEDAW) sobre o papel fundamental desempenhado pelas instituições religiosas na prevenção do tráfico de mulheres e meninas em um contexto de fluxos migratórios globais. A CEDAW está organizando uma discussão geral sobre o assunto para ajudar a preparar uma “recomendação geral” que será enviada aos Estados Membros da ONU.

“Gana emergiu como um dos principais países de origem das vítimas do tráfico de crianças, tanto doméstico quanto internacional”, disse Palmer-White em um documento por escrito enviado ao Comitê. “Em resposta, a Diocese de Accra fez uma parceria com a Embaixada dos Estados Unidos para combater essa injustiça. Eles estabeleceram um abrigo comunitário chamado Hope Village para facilitar a reabilitação de crianças resgatadas, além de buscar parcerias com o governo para conscientizar a população e garantir que o governo de Gana possa chegar a uma condição de cumprimento dos padrões mínimos para a eliminação do tráfico.”

Ele também destacou um centro de recepção de migrantes na Catedral de São João em Hong Kong, parte da Iniciativa Clewer da Igreja da Inglaterra, e uma recente campanha de membros da Igreja Episcopal sediada nos EUA contra o tráfico e exploração sexual no contexto do Super Bowl, maior evento esportivo do país.

Ele pediu à CEDAW que assegurasse que sua Recomendação Geral refletisse “o papel fundamental que as igrejas e outros atores religiosos podem desempenhar e de fato desempenham”.

Arcebispo de Canterbury convoca Primates’ Meeting de Anglicanos na Jordânia em janeiro de 2020

O Arcebispo de Canterbury escreveu aos líderes das 40 Igrejas da Comunhão Anglicana para convidá-los a participar de um Primates’ Meeting (“Encontro de Primazes”) em Amã, capital da Jordânia, de 13 a 17 de janeiro de 2020. Os Primates Meetings são um dos quatro "Instrumentos de Comunhão" dentro da Comunhão Anglicana.

Em sua carta-convite, o Arcebispo Justin falou da “longa e agonizante” lista de dificuldades que os cristãos enfrentam em todo o mundo, e disse que “é nossa vocação sermos portadores de alegria... em meio aos problemas reais do nosso mundo.”

Os Primazes decidirão a agenda juntos, mas o Arcebispo Justin informou que gostariam que os Primazes discutissem a Lambeth Conference (Conferência de Lambeth) de 2020 e também o trabalho do Grupo de Trabalho de Arcebispos, estabelecido após o Primates’ Meeting de 2016 para explorar maneiras de restaurar relacionamentos e reconstruir a confiança mútua dentro da Comunhão.

Ele acrescentou ainda que dá “forte apoio” à recomendação do Grupo de Trabalho de que seja realizada uma curta jornada de oração e arrependimento na quinta semana da Quaresma de 2020.

Bispo percorre quase 13.000 quilômetros para missa de confirmação na catedral anglicana mais ao sul do mundo

Três pessoas foram confirmadas na catedral mais ao sul entre todas as da Comunhão Anglicana no mundo. Para estar presente, Tim Thornton, Bispo da Catedral, teve que viajar 13 mil quilômetros de seu gabinete em Londres para participar da missa nas Ilhas Falkland no Atlântico Sul.

O Bispo Tim confirmou Denise Blake e Antonia e Stirling Harcus na Catedral da Igreja de Cristo em Stanley. Estavam presentes o sacerdote interino responsável pelas Ilhas Falkland, Ian Faulds; Kathy Biles e Betty Turner, clérigos da Catedral; John Ellis, Capelão Chefe da Força Aérea Real; e Alice McDermott, Capelã das Forças Armadas.

As Ilhas Falkland são uma área extra-provincial sob a autoridade do Arcebispo de Canterbury. O cargo de bispo das ilhas é ocupado pelo Bispo em Lambeth, que é o principal Bispo Auxiliar do Arcebispo.