This website is best viewed with CSS and JavaScript enabled.

St George’s College em Jerusalém celebra um século de serviço na Terra Santa

Posted on: January 28, 2020 10:53 AM
O Reverendíssimo Cônego Richard Sewell, decano do St. George's College, Jerusalém, no saguão do campus da faculdade, nos arredores da Catedral de São Jorge.
Photo Credit: Alex Baker / ACNS
Related Categories:

[ACNS, da Redação] O St. George's College, um “centro anglicano de peregrinação, hospitalidade, estudo e reconciliação” em Jerusalém, comemorou seu centésimo aniversário com um culto especial na vizinha Catedral de São Jorge. A Bispa de Londres, Sarah Mullally, pregou no culto, presidido pelo Arcebispo Anglicano de Jerusalém, Suheil Dawani.

Em um post em sua página no Facebook, o College disse que “nas primeiras décadas de sua existência, era mais uma ideia do que uma realidade, embora na década de 1930 as escolas de verão fossem organizadas para o clero da Igreja da Inglaterra. Os primeiros prédios da faculdade foram construídos em 1962 e, em seguida, começaram a ser realizados cursos durante o ano todo. Hoje somos um próspero centro de peregrinação, estudo, hospitalidade e reconciliação. ”

St George Inline Image 1

Em declarações à ACNS, o decano do St. George's College, Cônego Richard Sewell, disse: “Recebemos peregrinos de todo o mundo que vêm por um período de uma ou duas semanas para conhecer os locais sagrados e aprender sobre as questões - contemporâneas e históricas - neste país incrível.”

O St. George's College foi fundado em 1920 pelo então bispo de Jerusalém, Rennie MacInnes, “que tinha a visão de treinar as pessoas locais para serem sacerdotes na recém-formada Diocese de Jerusalém; e então originalmente seria um seminário ”, disse Richard Sewell. “Mas isso nunca foi concretizado... embora os planos estivessem sendo implementados e o nome lhe tivesse sido dado em 1920. ”

Hoje, a faculdade organiza peregrinações e cursos de curta duração para anglicanos de toda a Comunhão Anglicana - um ministério que remonta, disse Richard Sewell, às escolas de verão da década de 1930. Os Ordinandos locais recebem seu treinamento na Escola de Teologia do Oriente Próximo, em Beirute, Líbano; e no Seminário Teológico de Virgínia, nos Estados Unidos.

St George Inline Image 2

“Nossas peregrinações de estudo mais populares são Os Passos de Jesus - uma maneira muito tradicional de ver os principais locais sagrados aqui em Jerusalém [e] na Galileia. Também oferecemos um curso chamado Palestina de Jesus, e esse tem um enfoque mais amplo na arqueologia. Também realizamos cursos especializados, como Mulheres na Bíblia. Fazemos um curso inter-religioso muito importante uma vez por ano para que cristãos, judeus e muçulmanos venham visitar os locais sagrados um do outro e depois dialogar sobre essa experiência.”

Muitos dos participantes dos cursos vêm da Igreja da Inglaterra e da Igreja Episcopal com sede nos EUA. Uma das prioridades de Richard Sewell é expandir a inclusão de igrejas na África, Ásia e América do Sul em particular. “Esse é um dos grandes desafios”, disse ele, “como atrair pessoas provenientes de países que não têm tradição de vir ao St. George's College. Isso nos tornaria um recurso para toda a Comunhão Anglicana.”

  • Assista ao breve documentário do St George's College (em inglês) aqui: